Criptografia e Segurança de dados: como funciona?

Criptografia

Com certeza você tem se perguntado muito sobre Criptografia e Segurança de dados – e você não é o único!

O avanço da tecnologia da informação, as discussões na mídia sobre a questão da privacidade e anonimato na internet e a importância na segurança de transmissões de dados têm trazido destaque para um importante conceito: a criptografia. Mas, o que é isso?

Para entender melhor o que é criptografia e sua aplicação no contexto da segurança de dados, basta continuar a leitura!

O que é criptografia?

A palavra criptografia tem origem no grego “cripto”, que significa escondido, e “grafia”, que tem o sentido de escrita. Ou seja, ela pode ser traduzida como escrita escondida.

Seu surgimento se deu com os hieróglifos egípcios, mas se difundiu quando os povos antigos precisaram pensar em uma maneira de codificar suas mensagens para que elas não fossem interceptadas por inimigos.

Tecnicamente, ela representa um conjunto de procedimentos desenvolvidos com o objetivo de proteger a informação, para que apenas pessoas que possuam uma chave específica possam ter acesso aos dados.

Ou seja, a criptografia utiliza métodos para transformar a informação em códigos que dificultam a leitura de quem não deveria ter acesso a ela.

Atualmente, a criptografia é de extrema importância para garantir a segurança de dados e informações em todo o ambiente computacional.

Quais são os benefícios?

Os hackers estão cada dia mais audaciosos e o roubo de dados e informações sigilosas tem se tornado uma questão importante a ser abordada no mundo corporativo. Empresas que não protegem seus dados contra invasões são consideradas como alvos mais fáceis.

Por isso, um dos principais motivos para uma empresa investir na criptografia é a proteção de suas informações. Ela ajuda a dificultar a vida dos hackers, evitando que eles acessem dados confidenciais que tenham valor estratégico para a companhia.

Outro importante benefício do seu uso é a proteção das informações em trânsito ao criptografar o envio de certas mensagens pela web. Assim, a criptografia ajuda a evitar que informações sigilosas de clientes ou mensagens estratégicas possam cair nas mãos de pessoas mal-intencionadas.

Criptografia nas empresas

Utilizada para fornecer garantias de confidencialidade, integridade, autenticidade e identificação, a criptografia possui, ainda, diversas outras aplicações nas rotinas de empresas e indústrias. Alguns de seus usos mais comuns são:

  • Proteção pessoal ou empresarial: emprego de técnicas de criptografia para realizar a segurança de informação em computadores por meio de um controle de acesso.
  • Troca de informações: método de codificação para a troca de dados via internet de forma a mantê-los sigilosos mesmo que sejam capturados ou interceptados.
  • Áreas de segurança: espaços criados dentro de um computador em que todas as informações gravadas são criptografadas automaticamente.
  • Assinatura digital: método que garante a veracidade de um documento e pode ser realizada a partir de qualquer editor. Ele é juridicamente aceito e possui o mesmo peso que uma assinatura de próprio punho registrada em cartório.
  • Criptomoedas: moedas digitais que utilizam a tecnologia blockchain para assinar de forma criptografada todas as transações realizadas em uma rede.
  • Certificado digital: considerada uma identidade digital na rede, ele é um arquivo que contém os dados de uma instituição, pessoa ou equipamento. É utilizado para comprovar a identidade.
  • Criptografia para e-mails: método que melhora a proteção das mensagens enviadas e recebidas, garantindo que apenas as pessoas autorizadas tenham acesso às informações contidas nelas.
  • Criptografia de arquivo: uma das técnicas mais eficazes para evitar o vazamento de informações.

Mesmo com a tecnologia evoluindo a cada dia, a criptografia ainda é considerada a melhor forma de proteção. Ela é vista como o método mais eficaz de segurança da informação. Então quem a utiliza para enviar e-mails e proteger seus arquivos, estará resguardado contra os principais tipos de crimes cibernéticos.

O que você utiliza em sua empresa para proteger as suas informações? A criptografia é a sua escolha para a segurança de dados? Confira também as razões para sua empresa investir em tecnologia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *